Tag: Consultoria de Imagem e Estilo

A imagem como diferencial competitivo

 

(foto: reprodução internet)

Já sabemos que a maneira de vestir pode revelar muito sobre uma pessoa e, inclusive, influenciar atitudes. Mas quando falamos em imagem você pensa apenas em roupas? Espero que não!

A imagem não se resume a roupas que você ou os outros vestem, ela poderá auxiliar na transmissão e formação de uma mensagem ou conceito ao interlocutor. A roupa pode ser utilizada, em alguns casos, como ponto de partida, mas, não será o ponto de chegada.

Vamos descrever uma situação:

Você terá uma reunião como um novo fornecedor e, logicamente, se preparou com afinco. Mas embora já tenha algumas direções, ainda não conheceu pessoalmente o representante da empresa, não conseguindo traçar um perfil completo do que está por vir. Até esse exato momento você possui uma impressão excelente da imagem projetada!

Ao chegar no local do evento é informado que a reunião não acontecerá porque aquele novo fornecedor esqueceu-se do compromisso e sequer chegou na empresa.

E agora, o que você está pensando sobre a empresa e a pessoa que participaria da reunião? Não é simplesmente uma falta de respeito com você que se preparou para o encontro? É muito mais do que isso! A imagem de descaso, a falta de preparo e a possibilidade (enorme) dessa empresa não cumprir prazos será um receio constante na sua jornada. Neste momento, você não possui a mesma impressão positiva e não sabe ao certo se deve seguir em frente com o negócio.

Não há como ignorar os fatos e nem foi preciso ver como aquela pessoa estava vestida, para formar a sua imagem, bem como a da empresa onde trabalha. O texto descreve uma situação muito comum e evidencia uma falta de gestão da imagem pessoal e corporativa.

Nos dias de hoje os produtos e serviços estão cada vez mais semelhantes, podem ser adaptados e customizados de acordo com a necessidade do cliente. Não é o suficiente ter um dos melhores produtos ou serviços do mercado, as empresas e os profissionais devem criar, planejar, manter e projetar uma imagem sólida.

Em todos os ramos de negócios a imagem projetada é fundamental e o profissional deve esforçar-se para demonstrar (transmitir) a melhor versão de si. Não apenas para ser reconhecido e respeitado, mas por ser visto pelos interlocutores como a imagem e semelhança da empresa a qual representa.

De uma maneira geral, costumamos nos aproximar dos iguais, reproduzimos comportamentos e confiamos naqueles que emitem sinais idênticos ou muito semelhantes aos nossos. Por isso, a imagem deve ser construída, mantida e projetada para gerar confiança em você e no seu interlocutor.

Muitas empresas e profissionais ignoram sua apresentação, comunicação, postura, ética perante seus concorrentes, clientes internos e externos. Como resultado desse despreparo, são obrigados a administrar a queda vertiginosa de negócios.

Se você ainda não utiliza a imagem como um diferencial competitivo, repense a sua estratégia.

Me diga com o que você trabalha que eu direi como você deve se vestir

Sim, existe um código de vestimenta para todas ocasiões, por mais absurdo que possa parecer!

Comecei trabalhando muito cedo como modelo, e não precisava escolher o que vestir nas passarelas; os looks vinham montados e esse era um aspecto simples da profissão. Foi no mercado corporativo que precisei aprimorar e aplicar as minhas habilidades perante um armário. Quem nunca experimentou uma mudança de setor, promoção ou troca de empresa? Comigo não foi diferente, depois de alguns anos na área técnica passei a representar uma renomada empresa na área comercial! Em todo lugar importa a imagem que você projeta, mas especialmente na área comercial não se trata apenas se o seu produto é competitivo. O profissional de vendas deve esforçar-se para demonstrar a melhor versão de si!!!

Entendi que eu era a imagem e semelhança da empresa à qual eu representava!

Esta área comercial onde eu atuava exigia uma vestimenta social, deveríamos projetar uma imagem responsável e confiável . Sim, o famigerado terninho fez parte da minha vida durante muito tempo e, como a empresa era muito tradicional, o terninho era utilizado por completo, de preferência preto, já pensou?

Nada contra um terno preto, mas podemos fazer combinações muito mais interessantes desmembrando as peças e adicionando cores, tudo dependerá do ambiente de trabalho…

Depois de pouco tempo na nova função comecei a estabelecer uma relação entre a roupa que eu vestia e a reação dos clientes, não estou falando de terninho da sorte, ou coisas do tipo. Algumas reações eram excelentes, mesmo quando o preço proposto para o negócio era um pouco superior aos demais e algumas vezes, a reação não era tão maravilhosa assim, mesmo com preço competitivo… E sabe o que eu percebi?

Quanto mais semelhante a minha roupa fosse da roupa do cliente, maior as minhas chances de fechar negócio!

Veja a foto abaixo:

AltSão 3 mulheres com estilos de roupas idênticos… No meio temos a editora-chefe da Vogue francesa, Emmanuelle Alt e as outras duas trabalham com ela… A sua assistente Geraldine, de calça branca e a editora de moda  Capucine Safyurtlu.

O ser humano, de maneira geral, é mimético, se aproxima e confia nos iguais. A sua imagem deve gerar confiança não somente em você, mas também no seu interlocutor, ou seja, você deve buscar projetar a mesma imagem que o seu cliente projeta. Depois de entender na prática como essa dinâmica funcionava, passei a me vestir de acordo com o cliente. Faço isso até hoje!

Você pode achar que eu mudo de estilo todos os dias, não é? Na realidade eu não mudo o meu estilo, o que acaba alterando são as composições que faço para os looks que uso – hora mais criativos ou mais românticos, etc – sem perder a minha identidade e o meu jeito.

Isso vale também para a minha consultoria, nela nós iremos construir a melhor imagem em conjunto, alinhando os objetivos, life style e profissão para alcançarmos a melhor versão da cliente. Por isso, me diga com o que trabalha que eu direi como você deve se vestir…

Novidade: Woman at Work

Logo

Desde muito cedo, nós mulheres, desenvolvemos uma relação com o nosso armário. Pode ser amor ou ódio, indiferença… Com o passar do tempo e com a ascensão profissional, essa relação tende a mudar . Passamos a entender a influência das roupas e ter uma preocupação maior em como nos apresentarmos perante os outros. Até quem não quer gastar tempo pensando em looks para trabalhar precisa fazer es-co-lhas e as vezes não é tão trivial assim.

Conversando com uma amiga sobre como as roupas afetaram nossas carreiras no mundo corporativo, surgiu a ideia da coluna Woman at Work!

Será uma coluna feita com  convidadas queridas que contarão um pouco sobre a relação entre trabalho e roupas, em suas diferentes profissões. Gostou? Espia aqui!

Para presente

Presentear e sermos presenteados é sempre algo muito bom. Sermos lembrados por alguém significa que somos queridos e que nossa presença é importante. E quando essa sensação vem acompanhada de carinho, bom… este momento se torna realmente inesquecível.

Então, se você já decidiu qual o presente vai dar para aquela mulher importante, mas gostaria de mostrar o quanto ela é especial, porque não investir um tempinho para fazer uma embalagem linda e original?

O pacote é um dos grandes responsáveis pela expectativa e o suspense sobre o que vamos receber. Pensando nisso, e já que adoramos e somos adeptas do “DIY” (Do it Yourself), vamos mostrar como fazer uma embalagem, rápida, de última hora, estilosa e cheia de personalidade para presentear alguém querido.

Em primeiro lugar: criatividade. Use materiais simples, afinal você não precisa gastar muito para ter um resultado legal. A nossa dica é o papel kraft. Perfeito e bastante apropriado para este tipo de embalagem.

Materiais utilizados para o pacote de presente:

Processed with VSCOcam with t2 preset

Almofada e capinha de celular Zigzag, nossa duplinha perfeita, para presente! O papel de seda e o adesivo conferem ainda mais charme ao pacote.

Processed with VSCOcam with t2 preset

Depois de embalado, use um barbante para enrolar o pacote. E para ficar ainda mais especial, pegue uma folha, dessas mesmas que caem no chão, e coloque entre o barbante. Se preferir, fica muito legal também com galhos secos!

Processed with VSCOcam with t2 preset

foto5foto4Aproveitem!!!

Escrito por Bluink.

Decorando com orquídeas

Belas e delicadas, as orquídeas são uma ótima opção se você está procurando uma planta para dar mais vida à sua casa. A grande variedade de espécies permite combinações perfeitas para quase todos os estilos e decorações. Se você gosta dessa flor como nós, confira algumas dicas para cuidar bem dela!

orquídea 1

Orquídeas exigem um carinho especial. E a melhor forma de mantê-las saudáveis  é tentando reproduzir o seu habitat natural.

Um ambiente úmido é o ideal. Como retiram do ar boa parte da água que precisam, você pode regá-las apenas duas ou três vezes por semana. Além disso, dê preferência para vasos de barro, pois os de plástico não drenam muito bem a água, o que pode encharcar as raízes.

Quando no ambiente natural, a Orquídea costuma se esconder atrás de galhos e folhas para se proteger da luz direta do sol. Se você quiser dar mais luminosidade a ela, é recomendado o primeiro sol da manhã. Mas cuidado! Se as folhas estiverem ficando muito amareladas é sinal que a planta está recebendo muita luz!

E não desanime quando as flores da planta começarem a cair, porque essa é a fase do repouso. É um soninho bom, que recupera a planta, e deixa ela pronta para quando acordar, florescer novamente.

Gostou? Quer dicas sobre como usá-las na decoração? Então olha o charme que essa plantinha pode acrescentar à sua casa:

orquidea 2

orquidea 3

orquidea 4

orquidea 5

Escrito por Bluink.