Tag: dicas acessórios

Apertem o cinto!!!

Vocês sabiam que existem registros sobre o uso dos cintos desde a Idade do Bronze (uns 3.300 a.C.)???  Bom, as vezes temos a sensação que ele está sendo usado da mesma forma todo tempo, não é?!

O cinto é um acessório que, definitivamente, deveria ser melhor utilizado nos looks e, pensando nisso, pesquisamos 5 maneiras bem criativas para utilizar a peça, inspirados pela Olivia Palermo!

 

Começando pelo mais simples:

128cccc3e737099e0ee2e7b0c8bd900c1) O toque de mestre está em prender o que sobrou do cinto, no próprio cinto – sem inverter ou fazer nenhum tipo de nó.

 

 

Olivia+Palermo+Belts+Leather+Belt+krJ89KhFL-Rl2) Nesse caso, “backflip knot”, o cinto foi utilizado normalmente e, o que sobrou foi invertido, de cima para baixo e preso.

 

 

oliviapalermodoubledenim3) Praticamente igual ao anterior… A diferença está em não utilizar o passador.

 

 

Olivia+Palermo+Dresses+Skirts+Cocktail+Dress+HRoPKTWTRLjl4) Aqui, ela utilizou o cinto normalmente, fez o mesmo movimento do “backflip knot” (invertendo o cinto de cima para baixo e prendendo), depois,  passou mais uma vez o que sobrou do cinto no mesmo lugar, formando um círculo…

 

 

main.original.585x05)  Parece difícil, mas não é!!! Para conseguir fazer o “pretzel”, use o cinto normalmente (utilize o passador), faça a inversão do que sobrou do cinto, passando  atrás da fivela e de cima para baixo. Agora,  faça a inversão novamente passando pela fivela, de cima para baixo e… Pronto!!!

 

 

 

E a febre continua…

Nos dias 06 e 07, fui prestigiar alguns eventos que estavam acontecendo no Rio de Janeiro, mais especificamente, no bairro Jardim Botânico.

Passei na VINTE e tive a grata surpresa de ver o “Grito Bazar”, “Essa Acessórios”, “Helena Ponte”, “Samantha Ortiz”, “Ivo Minoni” e o lançamento da “MUDA”.

Também entrei na “Casa Soma”, um espaço de co-working voltado para moda e design (conforme definição no site da casa).

Ali encontrei marcas habituais da Casa: “OS/ON”, “Brir” e “Acervo Collection”. E, ainda, a “Zerezes”, a “Svetlana” e “Escudero”. Estas estavam apenas naquele final de semana .

O que posso dizer sobre o que vi? Ora, tudo estava lindo, com a cara do Rio!

Agora, devo confessar que fui acometida pela famigerada “febre da Iris Apfel”. Sim, eu fui… Mas, consegui me controlar e não me tornei uma confusão de cores e informações. Qual foi o motivo da minha febre?

BRIR!!! Já ouviram falar???

Simplesmente, comecei olhar os colares, pulseiras, brincos, bolsas, cintos… Sério, eu queria tudo, mas TUDO mesmo!!! A responsável é a designer Duda Braga, uma simpatia de pessoa. Ela já passou pela equipe da Isabela Capeto e na produção de figurino da Globo.

Abaixo, separei três itens para vocês se apaixonarem também:


Brinco Alga coral


Cordão Torçaide verde


Carteira Miçanga coral

Mas vai meu alerta: Não deixem a febre tomar conta de vocês.